Translate

sexta-feira, 21 de agosto de 2020

PERGUNTE AOS MESTRES - COMO AJUDAR OS IRMÃOS TERRENOS

 


Pergunta:

Gratidão ais mestres.Se for possível queria uma opinião sobre i futuro profissional de Camila nascida em 20 de novembro 1994,ela faz pós em perfusão para trabalhar com cirurgias cardíacas e outras. Ela é sobrinha e milha afiliada.Tenho rezado muito por ela conseguir trabalho.

 

Resposta:

Amada filha, o propósito deste canal de amor e caridade, não é para trazer-lhes acontecimentos vindouros, mas sim ajudá-los no caminho da progressão espiritual, ajudá-los a conhecer quem realmente são através do coração.

 Todas as respostas se manifestam quando há verdade nas intenções diante do crescimento e experiências. Seu desejo de ajudar, filha, é verdadeiro, mas o que pode fazer nesse momento, é elevar a própria vibração e doar-se em caridade da maneira que puder, desta forma estará ajudando e contribuindo com todos os irmão terrenos.

Esteja em paz, filha.

Sou El Morya.


www.pazetransformacao.com.br

21/agosto/2020



PERGUNTE AOS MESTRES - INSATISFAÇÃO COM O TRABALHO


Pergunta:

Olá, mestres! Gratidão pela oportunidade de mais uma vez comunicar com vocês e por todas as respostas anteriores que já me deram. Fico muito agradecido pelo amor, atenção, cuidado e disponibilidade de vocês. Agora, gostaria de lhes pedir mais uma orientação. Há um tempo, desde o início deste ano, sinto que devo pedir demissão do meu emprego e seguir outro caminho, que não sei qual. Na verdade, o meu desejo de não trabalhar mais em empresas já é de longa data. Sinto que não pertenço a este mundo corporativo. O meu perfil não tem a ver com isto aqui. Não gosto desta agressividade, disputa, competição, ansiedade, além dos prazos, metas, objetivos, etc., que existem dentro das empresas. É todo um “inferno” para no fim das contas não levar à nada. Tudo vai ficar aqui quando partirmos de volta para o Plano Maior. Não somos os papéis que cumprimos. Somos antes de tudo seres humanos e antes dos humanos apenas seres. Sei que a energia do dinheiro é importante e que ela decorre da oferta de dons, habilidades, competências, etc., à humanidade. Mas, isto que é feito no mercado não é legal. Bom, pelo menos, não para mim. Eu gosto de seguir o meu coração. A minha verdade. A minha consciência. Gosto de ser justo, sincero, verdadeiro, honesto. Sei que sou hipócrita também e nem sempre ajo assim. Mas, voltando... Toda vez que me vem esta vontade de pedir demissão, surgem as preocupações, do ego, claro, de como que vou pagar as contas, comer, ter moradia e, além dos julgamentos da família, principalmente. Vem também a preocupação porque não há nada planejado. Eu estaria pulando no “escuro”. Ao mesmo tempo que vem a preocupação, vem as sincronicidades acalentando e “dizendo”: confia no Pai que te sustenta! Isto me anima outra vez e me enche de coragem para tomar desta decisão. Mas, aí as preocupações vêm de novo e a montanha russa começa outra vez. Gostaria de uma orientação de vocês neste sentido. Se é esta mesma a decisão que deve ser tomada. Se este é o momento apropriado por causa da pandemia. Se é historinha do ego. Se é o caminho do coração mesmo. Gratidão de coração! Honro, reverencio e agradeço a vocês.

Resposta:

Filho, permita que esse momento, essa fase de sua vida, venha como uma oportunidade de refletir e observar. Quando se observa, filho, não se envolve.
Perceba que a vida na terra como um todo é um enredo de uma história, formatada especialmente para que vivas as Experiências e eleve-se como alma imortal e eterna.
Quando está inserido no meio em estado de gratidão, não se permite sentir e sofrer com as ilusões da mente, que muitas vezes distorcem a realidade e o faz enxergar imperfeições.
Tudo o que existe é perfeito assim como é. Ainda que seus olhos não sejam capazes de perceber nesse momento, o estado de paz é alcançado apenas quando se insere em qualquer meio mantendo a sua paz e fluindo o amor por todos os seres.
Sua missão filho, é emanar essa luz. Como todo filho da criação, sua natureza é expandir sua centelha divina e conectar com a de teus irmãos.
Mas para isso, deves purificar a visão distorcida da vida e do meio que estás inserido, para que sejas capaz de ver apenas a perfeição.
Um primeiro passo para alcançar esse estado, amado filho? Gratidão! Alimente o sentimento de gratidão pela vida, pelas pessoas e por tudo que o rodeia. Comece com afirmações em voz alta, até que doutrine e programe seu cérebro a acreditar que está inserido em uma vida plena e abundante, perfeita assim como é.
Esse estado de graça abrirá em sua fronte novos caminhos.

Em amor, Rowena

21 de agosto de 2020
Fonte: www.pazetransformacao.com.br