segunda-feira, 24 de julho de 2017

16. Como construir uma nova realidade? Como materializá-la?


Quando deixamos ruir as construções ilusórias da nossa personalidade, quando nos despimos de querer ser algo, ou querer representar alguma personalidade, uma postura ideal para determinadas situações, começamos a dar abertura para que nasça a Nova Era atrelada à plena verdade e ligação com o divino.


Muitas vezes é necessário deixar ruir aquilo que você acreditava, as opiniões formadas de certo e errado, para que a nova realidade se abra.


Vocês costumam pensar que os aprendizados da vida os mostram como seguir determinados caminhos, criam preconcepções em suas mentes que os dizem o que é certo ou errado, ou qual é o melhor ou pior caminho com base nas suas experiências. Mas até essas preconcepções são impérios construídos na base do medo, no momento de sofrimento, e que deverá ruir para que nasça a nova realidade.

Lembre-se que a divindade não tem limites, não tem certo e errado. E toda a bagagem que você traz em sua mente, e que é resultado de suas experiências na matéria, são os medos materializados em alternativas de fuga para esse medo. São aprendizados construídos através dos traumas da vida, dos medos, dos caminhos errados, mas que foram necessários para o amadurecimento.

Quando acessados os conhecimentos armazenados no campo mental, não há como se construir a nova era. É necessário desconectar-se de tudo o que a matéria o mostra ou o que as impressões materializadas representam, para que possa de fato se conectar à energia suprema do Eu Sou e então observar os fatos sob uma perspectiva mais ampla, divina, e que compreende o todo, e não o fato isolado.

A cada experiência apresentada, é a oportunidade de transformação para todos os envolvidos, e não só aqueles que fazem parte da matéria, das ligações que podem ser observadas com os olhos materiais que vocês possuem, mas sim são experiências que trazem oportunidade de materialização de uma nova era a todos.

Lembrem-se que tudo o que é novo, não pode ser pré-concebido e nem explicado pela mente, e por isso é livre de adjetivos. Não existe o medo, não existe o temor. Não existe o certo e o errado. Portanto, quando o novo se apresenta, a primeira reação de todos é de medo, de pavor, pois essa é a reação natural do ego diante de algo que ele não pode controlar.

É a retirada das bases e daquilo que você acredita até aquele momento, para então mostrar o novo, que se apresenta sem pedir licença, simplesmente ele chega e toma conta da sua vida, da vida de vocês, e é implementado de forma devastadora, a despertar todas as suas emoções, a promover a exposição de todos os seus medos, os seus temores, para que então você possa os observar e tratá-los, pois eles eram o motivo do seu sofrimento e da sua prisão mental na matéria.

Virão os transformadores, e o que eles trarão não poderá ser compreendido por vocês à primeira vista, pois vocês receberão tudo o que for mostrado com as defesas do ego, que aciona o medo, o pavor, e cria uma forma automática de reação, do medo de retirarem as bases daquilo que vocês sempre acreditaram.

Não há regras, haverá apenas a mudança, e garanto a vocês que ela virá de forma transformadora e revolucionária, trazendo experiências e mostrando fatos que vocês não poderão compreender, e que não poderá ser encaixado a nenhum sistema pré-existente.

O revolucionário, o novo, pode ser implementado, apenas naqueles que estiverem abertos a isso, e acontecerá sim o que for necessário para que essa implementação aconteça, pois esse é o caminho, essa é a evolução, e a única estrada pela qual a humanidade poderá seguir. A transformação virá, e será mostrada gradativamente.

Aqueles que permanecerem agarrados aos seus pensamentos, às suas preconcepções, e não se entregarem completamente ao novo, serão aos poucos arrancados das suas ideias, dos seus próprios controles mentais, das suas próprias programações, até que aceitem que o novo vem.

Alimentem a fé dentro de si confiando que o melhor se dará, livre de suas preconcepções mentais, que procuram encontrar soluções para fugirem da implementação do novo, que tira vocês das suas zonas de conforto e faz com que deixem de se agarrar a algo que já era pré-determinado ou a regras que vocês mesmos haviam criado.

O fato é que a nova realidade será materializada, independente da sua vontade, ela virá de forma avassaladora e transformadora, a mexer em tudo aquilo que você sempre acreditou como sendo a verdade sobre si mesmo, sobre o planeta, sobre como as coisas funcionam.

Como seria possível implementar o novo nas bases do antigo? De fato, não seria possível. É necessário que percebam, através de suas próprias experiências, que o novo está aqui, que já faz parte das suas vidas, e deixem de lado tudo aquilo que acreditavam, para que de fato se abram ao novo que inicia.

A nova realidade será construída dentro de si, a partir do momento em que deixar de lado a defesa natural do ego, que se manifesta através do medo, então a entrega ao novo faz com que ele se abra diante de ti.

É a renúncia ao pensamento destruidor que faz com que, através do medo, você se feche a abrir os olhos ao novo que se apresenta. Ainda assim o novo se apresentará de uma forma que você nunca imaginou, mas que milagrosamente está ali, manifestado, e que será multiplicado e crescerá a partir da sua renúncia ao medo de se abrir a ele.


Michele Martini
Fonte: www.pazetransformacao.com.br