quarta-feira, 22 de março de 2017

PERGUNTE AOS MESTRES - 32




CONGREGAÇÃO DE PAZ E TRANSFORMAÇÃO

PURIFICAÇÃO E TRANSMUTAÇÃO

PAZ, LUZ E AMOR.


* Para enviar uma pergunta aos Mestres, acesse o site:http://www.pazetransformacao.com.br/ e preencha o formulário ao lado direito da página inicial. O formulário permanece disponível somente às segundas-feiras.



DIFICULDADE NO CASAMENTO



Pergunta:



Mestres, eu gostaria de saber por que meu marido fica implicando comigo, tipo: fica desconfiado de mim, fica emburrado, fica sem falar comigo, fica muito nervoso, até parece que não é ele que está em seu corpo, e isso dura de dez a quinze dias, e ele está errado e fala sempre a mesma coisa, isso todo mês. Gostaria de saber o que posso fazer para ajudá-lo? 

Resposta:

Minha querida irmã, seu marido reclama, ele te desestabiliza, te causa dificuldades, mas veja que em uma relação, jamais há o certo e o errado. O que há são opiniões, são diferentes visões do mesmo fato. A manifestação dele é apenas a forma como ele se exterioriza ao mundo, em razão de algo que não o faz bem. O que precisa compreender, é que você não é responsável por ele, mas apenas por si mesma. Nós não precisamos mudar o comportamento das pessoas ao nosso lado, mas sim buscar nossa própria modificação. Agora te devolvo uma nova pergunta. Porque se submete a isso que te chateia? Se não está feliz porque permanece no relacionamento? Porque necessita de alguém que tenha esse comportamento? O que precisa trabalhar não é a forma como seu marido vê o mundo, mas sim como você o observa e como vê as experiências. Precisa se questionar porque opta por viver uma vida infeliz? O que é que te prende a isso? Muito fácil seria minha irmã, se pudéssemos resolver a vida de todos, mudar a visão daqueles que não concordamos, mas a vida não é assim. Cada qual tem o direito de ter sua própria visão de mundo, ainda que não seja aquela que entendemos como a mais acertada. Ao invés de olhar ao comportamento de seu marido, olhe o seu, questione-se como se sente nessa relação, e se é isso que quer para sua vida. Porque se for precisa ter aceitação e compaixão, pois não será capaz de modificá-lo, por mais que o queira bem. Nesse caso, seu exemplo de amor será o que ele necessita, e apenas isso. Esteja nessa confiança de que sua decisão será a mais acertada.

Irmão Gregório.

DIFICULDADE NO EMPREGO

Pergunta:

Minha vida profissional sempre foi um motivo de muita ansiedade pra mim. Desde os últimos anos da faculdade de farmácia, eu tenho uma grande insatisfação com a área, e não gostei de nenhum dos empregos que tive. Hoje estou em um emprego que eu também não gosto, mas é o único que me possibilita fazer o curso de luteria até o final. O problema é que eu não consigo me manter disciplinada pra fazer um bom trabalho no meu atual emprego, não consigo permanecer focada, mesmo pensando nos benefícios, por ser algo que eu não gosto de fazer, não me interesso e sinto que estou desperdiçando minha vida e minhas capacidades. Sempre faço planos pra ser mais produtiva e tento me esforçar pra me manter no emprego por pelo menos mais dois anos, mas sempre falho e acabo duvidando da minha própria capacidade de conseguir me dedicar aos meus objetivos. Sinto-me constantemente esgotada e entediada. Sei que pareço uma criança mimada, mas tento entender porque isso acontece e porque eu não consigo encontrar alternativas. Muitas vezes minha vontade é de jogar tudo pro alto e só me dedicar a luteria, mas não posso fazer isso até que possa me manter financeiramente por outro meio. Isso gera em mim uma grande ansiedade e me sinto paralisada. Gostaria de um conselho sobre como conseguir controlar essa inquietação que me impede de avançar nos meus objetivos. Obrigada por todos os ensinamentos que nos passam diariamente. Estou sempre acompanhando e aprendendo muito com as mensagens. Obrigada!

Resposta:

Filha querida. Sou mestra Pórtia e venho através da irradiação da Chama Violeta, trazer a verdade para você. Estás passando por uma fase transitória, do antigo ao novo. Essa fase compreende um período de muita dualidade, onde verás a si mesma inserida em situações onde ainda existem pontos a transmutar, e ao mesmo tempo, passa a materializar gradativamente o novo. Mas o que não percebe filha, é que quanto mais o novo torna-se real e materializado para ti mais estará abastecida de recursos para transmutar o antigo, para tratar e curar o que ficou no passado e que hoje ainda é o seu presente. Essa fase ainda é necessária como algo transitório, mas é onde terá a oportunidade de ancorar o ensinamento do novo, e transmutar o antigo a partir da sua sabedoria adquirira a cada passo do novo aprendizado. Essa fase dará por concluída a cura e a transmutação do antigo, para que não retorne a ti, e sim que passe a fazer parte da sua sabedoria aglutinada e guardada nos seus registros de alma. Seja grata por essa oportunidade onde, a partir da própria sabedoria, poderá tratar e curar algo que não mais retornará, mas apenas precisa permitir que o tempo passe naturalmente e que os fatos se consolidem na sua vida. E assim será, pois assim é.

Mestra Pórtia 

DÚVIDAS

Pergunta:

Prezados Mestres. Primeiramente gostaria de agradecer-lhes pelo privilégio de poder ter contato com seres tão grandiosos, realmente uma honra. São tantas dúvidas, pelo que não gostaria de importuná-los com tantas questões. No ano passado fiz algumas leituras dos meus registros akáshicos, e me foi revelado tantas coisas maravilhosas, que parece ficção aos meus olhos. Dúvidas a respeito de sermos tão belos e estarmos aqui num mundo de expiação e prova me traz muitas dúvidas de o porquê de tantas coisas. Passei por muitas lutas e muitas perdas de emprego e família. Não gostaria de isto voltar a acontecer, mas fico com receio. Quero conhecer o meu eu superior, mas não consigo meditar. Enfim, gostaria de uma palavra sua, a respeito da minha vida, o que vim fazer aqui e sobre todas as coisas boas que sempre sonhei. Uma vez me disseram que a vida reservou coisas maravilhosas, mas estou com 42 anos e ainda no aguardo. Fico grato pela vossa atenção e, por favor, continuem cuidando de mim.

Resposta:

Amado filho. Estás sim inserido na experiência da matéria para ver materializar verdades grandiosas diante dos seus olhos. Mas lembre-se filho, de que enquanto inserido na matéria, você como tantos outros, buscam compreender e observar o mundo com os olhos físicos ligados à mente. Mas o mundo belo e grandioso que está aqui para ti, será mostrado sim, a partir do momento em que observares a partir do coração. A abertura do coração meu querido, se dará através da sua prática meditativa. Mas não daquela a qual tem tentado buscar, filho. Mas a prática meditativa ideal para ti. Filho, a meditação é apenas um estado da mente, que é alcançado por cada um de diferentes formas. E para ti, há uma forma especificamente sua. Quando estás em contato com a natureza, a observar aquilo que o faz feliz e alegre, que traz a alegria de viver e estar aqui presente. É nesse momento em que entras em estado meditativo, no seu caso filho, pois é quando entra em comunhão com o meio onde está e passa a viver o momento presente. Meditar é nada mais do que isso, filho. A seguir, quando estiver inserido nesse estado meditativo que você já pratica filho, poderá projetar essa visão amorosa e calma, que traz o sentimento de realização e de paz, para todo o seu exterior. Esse é o poder da materialização de um mundo de paz e amor. Quando vocês, inseridos no momento presente e na paz, projetam através do coração, essa visão e o sentimento de desprendimento e liberdade, para todas aquelas cenas que por momentos anteriores, chocaram as vidas de vocês. Vão ancorando essas energias benéficas obtidas da meditação, em locais e em outras experiências passadas, para que dessa forma, vão trazendo uma nova realidade para aqueles fatos e lugares, através da projeção do pensamento. Você é capaz disso filho. Podes praticar desde o momento presente. E assim é.

Sidarta Gautama

LUGAR DE LUZ

Pergunta:

Irmãos da Luz. Necessito sentir um pouco de força para levar a cabo, a execução do meu plano pensado, para o lugar de Luz tanto aqui no Brasil como em Portugal. Venho humildemente pedir a vossa benção e carinho, assim como a humildade e gratidão, para bem entender e praticar os ensinamentos do que leio no Livro de Ouro. Estou pleno de amor e gratidão.

Resposta:

Filho, tu és um irmão de luz. Esteja nessa certeza. A partir disso ancore em seu coração, materialize seu desejo em seu coração e confie. Não se apegue a resultados, não crie prazos nem expectativas, pois há um plano divino a tudo. E você terá a força para fazer no momento adequado. Há peças que necessitam ser movimentadas, postas em seus lugares. Há complementos a serem manifestados. Então ancore essa confiança no plano divino e, a partir de sua própria paz, aceite que tudo se manifeste no momento adequado. Não faça disso um novo apego em sua vida. Você veio para servir, então continue fazendo para que o melhor se dê. Pleno de confiança em seu propósito.

Sou El Morya

RELACIONAMENTO COM O MARIDO

Pergunta:

Querido S. Germain. Ando muito infeliz com o meu casamento, estou casada há 43 anos e o meu relacionamento está pior casa vez mais. Já não há diálogo entre nós. O meu marido é muito ciumento. Frequentei um centro espirita e tive que sair. Tenho medo dele, e não consigo fazer as minhas meditações. Estou sempre com medo. Mudei em relação à maneira de ver a espiritualidade. Pois só queria estar sozinha. Ele pensa diferente de mim, não acredita em nada, gostava muito que meu amado S. Germain me ajudasse como proceder. Tinha muito para dizer, mas a escrever não sei fazê-lo muito bem. Gratidão!

Resposta:

Minha amada irmã. Sou Kuan Yin, e venho ancorar em ti a compaixão do propósito. Um olhar compassivo e de aceitação da vida, para que a partir desse olhar caridoso se liberte ao que É. Eu sei das dores que sofres por não se ver capaz de se desvincular de uma situação de dor. Eu sei das suas dúvidas, das suas restrições, sei da dificuldade que enfrenta. Mas minha filha, ninguém te salvará se não o fizer, se não resgatar sua dignidade e trabalhar as relações em seu interior. O que precisa é olhar para si, e trabalhar o apego a determinados comportamentos para que se liberte à vida, sentindo-se capaz de se desenvolver ao seu próprio caminho. Veja minha irmã, que tens a oportunidade de se resgatar e ancorar o brilho em seus olhos. Ele passa diariamente a sua frente. Mas para isso precisa trabalhar dentro de ti aquilo que te conduz às relações de medo. Porque sustentas esse medo dentro de ti, se pode por si só seguir seu caminho? Você é uma filha de Deus, e está apta a buscar sua felicidade, mas para isso precisa superar suas dores, seus medos e trilhar seu caminho nessa certeza. Olhe para dentro de ti e busque a raiz de sua dependência, de seu medo, da sua falta de amparo. Busque dentro de ti porque necessita viver assim, pois precisa superar isso minha irmã. Se de ajuda precisar, busque pelo auxílio, pela orientação profissional, mas resgate isso dentro de si, pois não há outro caminho à sua própria libertação. Envolvo-a em meu amor.

Sou Kuan Yin

SOLIDÃO

Pergunta:

Amados mestres. Dediquei minha vida para minha família, trabalho, estudos e trabalho comunitário. Agora doente, estou longe da família, amigos e sem trabalho. Gostaria de saber o porquê de tamanha solidão, de falta de empatia das pessoas que amo. Resgate? Dívidas de vidas passadas? Grata.

Resposta:

Amada filha. Apenas perceba que através da sua experiência de vida, pode constatar, que grande parte da humanidade esta inserida no sentimento de medo e ego. Essas são as bases de todo o sofrimento. Mas que nos seus familiares, é manifestado através da carência afetiva da sua parte, filha. As pessoas na maior parte são levadas a pensar, de que precisam receber amor e afeto externo para serem felizes, e por vezes, passam a cobrar essas manifestações de sentimentos de familiares e pessoas de convívio, o que acaba se tornando a busca eterna de atenção e aceitação por parte dos outros. Você minha querida, esteve inserida nesse meio a levar amor e caridade aos demais, sem olhar para as ligações familiares que você poderia ter, mas que sabemos que havia ligações espirituais, e que fazia parte de sua missão de vida. As pessoas não estão preparadas para entender todo esse processo, o motivo pelo qual estão aqui, e por isso só consegue perceber, o que é colocado como regra da sociedade, e estabelecem as relações familiares, que por vezes podem ser tornar relações de possessão ou de carência. A sua vida foi, a manifestação da liberdade e do verdadeiro servir, e isso incomoda muitos que estão tentando viver de acordo com as regras impostas, e do que pensam ser o certo, minha filha. Todo esse sentimento por parte dos outros, é nada mais do que carência de amor, que é a expressão do sentimento do medo nascido do ego. Por isso filha, siga em paz, irradiando o seu amor em sua volta, sem pesar em sua consciência, e sim deixando que siga livre para amar a todos sem distinção. Siga em paz minha filha.

Mestra Nada

Canais: Thiago Strapasson e Michele Martini – Fevereiro/2017

Colaboração: Ilza Barreto.

Fonte: http://verdadetransmutadora.blogspot.com.br/ e http://coracaoavatar.blog.br/